Medidas para evitar a Sensação de Pernas Cansadas

A sensação de pernas cansadas é muito comum, nos finais de dia dos portugueses, especialmente das portuguesas.

Ainda que a sensação de pernas cansadas possa ser sintoma de um problema de saúde mais grave, a doença venosa crónica, há muito que pode fazer para prevenir e aliviar esta sensação de pernas cansadas.

Bastam mudanças subtis na sua rotina diária para conseguir experienciar algum alívio da sensação de pernas cansadas. Todas estas mudanças comportamentais visam melhorar a circulação sanguínea nos membros inferiores, na medida em que, muitas vezes, estas queixas são provocadas por anomalias na circulação sanguínea de retorno: a circulação que traz o sangue venoso, com impurezas e dióxido de carbono, de volta ao coração.

Causas da Sensação de Pernas Cansadas

A sensação de pernas cansadas ou pesadas pode ser provocada por um conjunto de fatores relacionados com o seu estilo de vida, e muitos dos fatores explicam o porquê de serem as mulheres quem mais sofre com este problema.

No lote de comportamentos que podem estar na origem deste problema ou do seu agravamento, encontram-se comportamentos como:

  • Utilizar sapatos com salto demasiado alto;
  • Utilizar calças demasiado justas e de materiais não respiráveis;
  • Passar demasiado tempo na mesma posição (independentemente de ser em pé ou sentado);
  • Tomar banho com água excessivamente quente;
  • Ingerir bebidas alcoólicas em excesso;
  • Tabagismo;
  • Não praticar exercício físico.

O que fazer para evitar a Sensação de Pernas Cansadas?

Para evitar a sensação de pernas cansadas, deve começar por evitar qualquer um dos comportamentos ou hábitos acima descritos.

No entanto, existe um conjunto de outros hábitos que pode desenvolver, que lhe permitirão chegar ao final do dia, sem sentir as suas pernas cansadas e pesadas, recuperando assim a sensação de bem-estar e de qualidade de vida perdidos.

Um dos hábitos mais simples de desenvolver é passar a dormir com as pernas ligeiramente elevadas. Basta colocar uma almofada por baixo das pernas no fundo da sua cama.

É fundamental começar a praticar atividade física de forma regular (não é necessário que a intensidade dessa atividade seja elevada), a ter uma alimentação saudável e a ingerir mais água.

Pernas cansadas: um sintoma que deve ser encarado como um sinal de alerta

A sensação de pernas cansadas é o primeiro sintoma e o mais comum de doença venosa crónica.

Nestes casos, a par da sensação de cansaço e peso, surgem, muitas vezes, dor nas pernas, nos pés, inchaço (como resultado da retenção de líquidos), sensação de formigueiro e cãibras noturnas.

Além disso, o agravamento da sensação de pernas cansadas e da doença venosa podem provocar o aparecimento de varizes e derrames que, num estado muito avançado do problema, podem originar diversas complicações (alterações da pele, que fica fragilizada e com cor acastanhada, úlceras de perna e tromboflebites).

Saiba mais sobre Trombose Venosa Profunda »

Fontes:

Dra. Joana de Carvalho - Especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular

Licenciada em Medicina e Cirurgia iniciou a formação específica em Angiologia e Cirurgia Vascular em 2005, no Hospital de S. João. Obteve o grau de especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular, submetendo-se, posteriormente, ao exame de certificação europeu, obtendo o título de Fellow of the European Board of vascular Surgery. Desempenhou funções de Consultora Científica na área de Cirurgia Vascular do Programa Harvard Medical School Portugal. Realizou o curso Master em Fleboestética e fez certificação na técnica CLaCS (Cryo-Laser & Cryo-sclerotherapy), ambas no Brasil. Atualmente concentra a sua atividade na prática de técnicas minimamente invasivas, sem necessidade de internamento ou repouso e com resultados cosméticos otimizados. Mantém presença assídua em revistas com artigos temáticos na área da cirurgia vascular, bem como em programas de televisão onde aborda vários temas de cirurgia vascular e explora as soluções para o tratamento de derrames e varizes.

Partilhe este artigo