5 vantagens do MiraDry no Tratamento da Hiperidrose

Por vezes limitante, outras vezes inestética, a transpiração excessiva deixa marcas na roupa e na confiança das pessoas.

Transpira muito? Finalmente, um tratamento para a hiperidrose nas axilas com resultados definitivos e sem necessidade de cirurgia.

Descubra a primeira técnica médica que elimina a transpiração nas axilas e quais as vantagens deste procedimento.

Milhões de pessoas procuram um Tratamento para a Hiperidrose

Em Portugal, meio milhão de pessoas partilha da sua angústia. Aquela necessidade constante de esconder as manchas de suor na zona das axilas.

Sempre existiram soluções no mercado. Mas envolviam cirurgia ou os fracos resultados não justificavam o investimento.

Neste artigo, enumeramos e descrevemos vários tratamentos para a hiperidrose axilar até chegar ao MiraDry, uma técnica revolucionária.

Cerca de 140.000 de pessoas em todo o mundo já comprovaram os seus resultados. Os níveis de satisfação comprovam a sua popularidade.

Tratamentos disponíveis para a Hiperidrose nas Axilas

  • Simpaticectomia

A simpaticectomia é um procedimento cirúrgico que acarreta os riscos normais associados às intervenções de caráter invasivo.

Envolve um período de convalescença e não há dados concretos quanto à sua eficácia, para além de que existe também um risco muito elevado de hiperidrose compensatória.

No entanto, os resultados são duradouros.

  • Toxina Botulínica

A toxina botulínica (Botox®) é eficaz, mas os resultados são temporários, entre 6 a 7 meses.

É um método que está a cair em desuso, sobretudo pela aparição de alternativas mais eficazes e menos invasivas.

Este método envolve a aplicação de injeções com uma agulha muito fina.

  • Tratamento MiraDry

Finalmente, um tratamento simples e com resultados permanentes!

A técnica MiraDry é o primeiro tratamento médico não invasivo que elimina suor excessivo e os odores indesejados.

Este tratamento foi desenvolvido por investigadores norte-americanos e a eficácia do procedimento envolveu 5 anos de pesquisa e aperfeiçoamento da técnica.

Descubra ao pormenor o tratamento MiraDry

O MiraDry é indicado para homens e mulheres que transpiram em demasia, ou como alternativa eficaz ao uso de desodorizantes e antitranspirantes.

O que é o MiraDry?

A técnica médica MiraDry elimina definitivamente e com toda a segurança as glândulas sudoríparas localizadas na superfície da pele, na zona das axilas.

Graças ao tratamento, acabaram-se as manchas na roupa, os odores e a aplicação de desodorizantes dezenas de vezes ao dia - e sem resultados.

Conheça um testemunho deste tratamento:

Como funciona este tratamento para a hiperidrose?

O procedimento MiraDry utiliza a técnica de ultrassons. As ondas geram calor e levam à termólise - decomposição pelo calor - das glândulas sudoríparas.

Em simultâneo e durante o procedimento, uma onda de refrigeração protege a camada da derme e mantém o calor focado nas glândulas.

O risco de danificar as zonas envolventes é desprezível.

O corpo tem 2 a 4 milhões de glândulas sudoríparas. Uma ínfima parte localiza-se nas axilas. Eliminar estas glândulas não interfere, de modo algum, com a capacidade do corpo em arrefecer o organismo. A termorregulação é, assim, mantida sem qualquer prejuízo.

5 Vantagens do Tratamento MiraDry

1. Resultado duradouro

Ao contrário de outros procedimentos, tem uma eficácia comprovada, resultados imediatos e definitivos. Quando as glândulas sudoríparas são destruídas, não reaparecem nunca mais.

Em média, está clinicamente comprovada uma redução de 83% na transpiração excessiva e 89% de redução dos odores.

2. Não invasivo

O MiraDry é um tratamento progressista porque não utiliza cirurgia ou anestesia geral. Envolve apenas a aplicação de micro-ondas através de um dispositivo médico, após aplicação de anestesia local.

3. Indolor

A maioria das pessoas que experimentou este tratamento diz que foi praticamente indolor e sem período de recuperação.

Por uma questão de conforto do paciente é aplicada uma anestesia local.

Após o procedimento é colocado gelo para reduzir eventuais edemas ou sensibilidade extra nesta zona.

4. Clinicamente testado

O método foi desenvolvido por médicos dermatologistas americanos de renome e envolveu o maior estudo clínico de longa duração realizado por médicos da especialidade nos Estados Unidos.

O MiraDry obteve a aprovação da FDA em 2011. A Food and Drug Administration é uma autoridade americana que realiza o controlo rigoroso de todos os produtos médicos lançados no mercado.

5. Uma única sessão pode ser suficiente

Basta uma sessão, entre 1 hora e 1 hora e meia, para obter resultados visíveis. Na maioria das pessoas é recomendada uma segunda intervenção e muito raramente uma terceira.

Contudo, fale com o seu médico especialista para otimizar os resultados.

Ficou com interesse neste tratamento para a hiperidrose?

O MiraDry é um tratamento que utiliza a tecnologia mais avançada para resolver a hiperidrose nas axilas. Supera as alternativas existentes no mercado devido à sua eficácia e à simplicidade do procedimento.

Não espere mais. Faça como mais de 300 pacientes!

Marque a sua consulta de hiperidrose »

Fontes:

Dra. Joana de Carvalho - Especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular

Licenciada em Medicina e Cirurgia iniciou a formação específica em Angiologia e Cirurgia Vascular em 2005, no Hospital de S. João. Obteve o grau de especialista em Angiologia e Cirurgia Vascular, submetendo-se, posteriormente, ao exame de certificação europeu, obtendo o título de Fellow of the European Board of vascular Surgery. Desempenhou funções de Consultora Científica na área de Cirurgia Vascular do Programa Harvard Medical School Portugal. Realizou o curso Master em Fleboestética e fez certificação na técnica CLaCS (Cryo-Laser & Cryo-sclerotherapy), ambas no Brasil. Atualmente concentra a sua atividade na prática de técnicas minimamente invasivas, sem necessidade de internamento ou repouso e com resultados cosméticos otimizados. Mantém presença assídua em revistas com artigos temáticos na área da cirurgia vascular, bem como em programas de televisão onde aborda vários temas de cirurgia vascular e explora as soluções para o tratamento de derrames e varizes.

Partilhe este artigo